É chamada de tradução a transposição de um texto de um idioma estrangeiro para o português. Versão é o processo oposto, ou seja, a passagem de um texto em português para um idioma estrangeiro.

 

 

A tradução juramentada só pode ser realizada por profissional que exerce o ofício de tradutor público e intérprete comercial, habilitado pela Junta Comercial do Estado.

 

 

Os textos são sempre trabalhados por dois ou mais profissionais – dependendo do volume do trabalho – responsáveis pela tradução e posterior revisão do documento. Trabalhos de grande volume e de clientes constantes são atendidos por equipes coordenadas para garantir a coesão de todo o trabalho. As equipes são formadas a partir de critérios como: idioma e especialização por área de conhecimento (direito, medicina, engenharia, etc.). Todos os serviços executados pela Unitrad são revisados por tradutores de igual competência.
 
A adequação idiomática e a pesquisa terminológica são passos importantes para que os textos traduzidos reflitam as informações dos originais.

 

 

É aquela em que o palestrante ou orador faz pequenas pausas a cada trecho de sua exposição para permitir ao intérprete fazer a tradução. Consome mais tempo e não é recomendável para grandes platéias. É eficiente e funcional para reuniões de curta duração, grupos pequenos ou negociações entre pessoas e para acompanhamento de estrangeiros

 

 

É a tradução quase imediata, feita oralmente, durante uma apresentação ou palestra. Os profissionais intérpretes trabalham em uma cabine de som, de onde podem ver e ouvir o orador, traduzindo simultaneamente para a outra língua tudo o que é falado. Esse tipo de trabalho requer sempre, no mínimo, uma dupla de intérpretes. Com fones de ouvido e microfones individuais, os intérpretes recebem a fala do palestrante e em seguida traduzem a mensagem para o idioma de chegada.